"QUEM SABE FAZ A HORA NÃO ESPERA ACONTECER"

Vandré

Páginas

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Vereador Lourival em conversa com o candidato ao Senado José Pimentel


Vereador Lourival Chaves conversa com o Deputado Federal José Pimentel sobre apoio a sua candidatura ao Senado Federal, onde articula apoio da base de oposição de Catarina ao seu nome, onde exige visita do pré-candidato ao município.

Blog Lourival Chaves

Acopiara vira canteiro de obras para se modernizar


Eufórica continua a população de Acopiara e em cada esquina o assunto é o mesmo: as mudanças que estão por vir ou que já são vistas a olho nu. O Prefeito Antonio Almeida Neto, não tem poupado esforços para que esta modernização aconteça em breve. O Mercado dos Feirantes, no centro da cidade, já teve seu processo de desocupação e demolição iniciados(fotos), como também a Sinalização do Transito. Muitas outras obras estão sendo anunciadas e certamente aqui divulgadas futuramente.



Blog Antonio Cariry

O prefeito Antônio Almeida Neto continua fazendo um excelente trabalho a frente do poder executivo municipal, com obras de infra-estrutura para nosso município, eu como acopiarense me orgulho ainda mais de ver minha cidade se desenvolver com todas as dificuldades inerentes a um município do interior do Ceará, mas tendo uma boa administração tudo é possível.

WILL ALMEIDA

PMDB e PP terão espaço em junho


Quatro partidos políticos com atuação no Ceará já requereram ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) espaço para veiculação da propaganda gratuita a que têm direito, por meio de inserções, no próximo ano. O prazo para a apresentação dos pedidos termina somente no início de dezembro, mas é comum a antecipação porque quando há coincidência na data solicitada a prioridade é para quem primeiro apresentou o pedido.

As agremiações que já requereram espaço para a veiculação de inserções no próximo ano são as seguintes: Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), Democratas (DEM), Partido Socialista Brasileiro (PSB) e Partido Progressista (PP). Cada um deles têm direito a 20 minutos por semestre. O PMDB requereu o espaço a que tem direito para os meses de maio e outubro. O PSB indicou os meses de maio e setembro e o PP vai concentrar sua propaganda em junho e novembro.

O DEM resolveu distribuir os 40 minutos das inserções a que tem direito em 2011 em seis meses, sendo quatro minutos em abril, seis minutos em maio e 10 minutos em junho. Para o segundo semestre pediu seis minutos para outubro, seis minutos para novembro e oito minutos para dezembro. Como no próximo ano não haverá eleições a propaganda partidária gratuita será nos dois semestres. Em ano de eleições, como é o caso de 2010, a propaganda partidária é veiculada somente no primeiro semestre porque o segundo semestre é reservado à propaganda eleitoral.

Junho

Para este primeiro semestre de 2010, dos 27 partidos políticos com atuação no Estado apenas 13 asseguraram espaço para propaganda. Neste mês de maio oito agremiações divulgam as suas ações por intermédio de inserções e para o mês de junho apenas cinco legendas asseguraram espaço.

Nesta segunda quinzena de maio o PMDB tem 10 minutos em inserções; o DEM vai utilizar cinco minutos; o PSB vai usar oito minutos; o PSDB fará uso de seis minutos; o PTB utilizará três minutos e o PV também vai utilizar três minutos.

No próximo mês o partido que vai utilizar maior número de inserções é o PP que reservou os 20 minutos deste semestre somente para junho. O PMDB vai utilizar 10 minutos; o DEM terá direito a seis minutos; o PSDB usará 14 minutos e o Partido dos Trabalhadores (PT) terá direito a utilizar 15 minutos.
Diário do Nordeste

Estado de Novais é grave


O estado de saúde do presidente do PSB de Fortaleza, Sérgio Novais (PSB) é "grave" e "delicado", segundo informou ontem uma funcionária do hospital Monte Klinikum, onde ele se encontra internado, desde o último sábado, por complicações cardiológicas.

A informação, segundo a funcionária, foi passada por Rochele Pinheiro, médica intensivista que acompanhou o estado de saúde de Sérgio durante a manhã de ontem. A assessoria de imprensa não confirma que o estado de saúde do paciente seja grave. ``Ele está bem``, diz a assessoria.

O ex-parlamentar está internado em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Seu estado de consciência está mantido. Ontem à noite, o médico que o atendeu, Carlos Roberto, conhecido como Cabeto, informou que a situação é estável -ou seja, ainda não foram verificadas alterações positivas ou negativas da situação. Ontem, o ex-vereador e deputado passou por vários exames, mas seu médico não informou quais foram os procedimentos.

A família desautorizou a divulgação de informações sobre o diagnóstico de Sérgio. O ex-parlamentar, porém, está internado em uma UTI cardiológica, o que sugere o diagnóstico de problemas no coração.

Infarto em 2005
Em 2005, após sofrer um infarto, Sérgio Novais passou por uma cirurgia na artéria aorta. Ontem, a informação divulgada pela assessoria de imprensa de Sérgio foi de que ele sofreu um pico hipertensivo - uma alta anormal da pressão arterial.

Após passar mal durante encontro regional do PSB, no sábado passado, no município do Crato - distante 542 quilômetros de Fortaleza - Sérgio foi atendido às pressas no hospital local Casa de Saúde São Miguel. Em seguida, foi transferido de avião para Fortaleza, em uma UTI aérea. Na capital, seguiu direto para a UTI cardiológica do Monte Klinikum.

PT de Juazeiro do Norte quer Cartaxo ocupando o vice de Cid Gomes


O Partido dos Trabalhadores de Juazeiro do Norte (Região do Cariri), por meio de sua executiva, deliberou pelo apoio ao nome de Joaquim Cartaxo para ocupar a vaga de vice na chapa de Cid Gomes (PSB).

Joaquim Cartaxo, ex-secretário estadual de Cidades, ganhou aval numa disputa que ainda envolve o ex-assessor político da prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, Valdemir Catanho, e o atual vice, Francisco Pinheiro.

Além de ser da confiança de Cid Gomes, pesou nesse apoio o fato de Cartaxo ter laços históricos com o governador desde a época em que conseguiu costurar a aliança administrativa e política do então prefeito de Sobral, Cid Gomes. Ali, o PT ocupava a vice.

domingo, 30 de maio de 2010

Resultados apoiam a negociação de alianças


O potencial eleitoral de cada partido no momento em que as lideranças políticas se articulam com o propósito de formar coligações, junto com os resultados de eleições passadas, a quantidade de parlamentares, assim como de prefeitos e governadores, dependendo da esfera de poder em que as negociações se processam, têm grande peso na definição dos integrantes da chapa majoritária.

É claro que também existem outros fatores a serem levados em consideração como a imagem pessoal do candidato e o tempo a que tem direito na propaganda eleitoral gratuita cada legenda. Embora surpresas possam acontecer em qualquer disputa eleitoral, apesar de antiga a fórmula da utilização do potencial eleitoral continua sendo utilizada nas negociações para a formação de alianças.

Nas eleições de 2006, no Estado do Ceará, 28 partidos políticos participaram das eleições proporcionais, apresentando candidatos à Assembleia e à Câmara dos Deputados. Para deputado federal três partidos apresentaram chapa própria e 25 se agruparam em sete coligações.

Para deputado estadual quatro legendas disputaram com chapa própria e o restante se dividiu em oito coligações. Embora já existisse, o Partido Republicano Brasileiro (PRB) não participou das eleições proporcionais.

Federal e estadual

O resultado das eleições para deputado federal, levando em consideração a votação isolada (votos nominais e de legenda), apresentou o PMDB como o partido mais votado com 907.666 sufrágios. A segunda colocação ficou com o PSB com 870.862 votos e a terceira com o PSDB que obteve 869.387 sufrágios. Na quarta colocação ficou o PT com 407.371 sufrágios, vindo depois o PCdoB com 184.662 votos. Pela ordem de votação seguem-se: PL - 146.120 votos; PTB - 133.787; PDT - 129.910; PP - 121729 e; PSOL com 89.988 votos.

Para as eleições deste ano vale ressaltar que muita coisa mudou no cenário político cearense. Os dois candidatos mais votados, Ciro Gomes (PSB) com 667.830 votos e Eunício Oliveira (PMDB) com 240.588 sufrágio, não participarão da disputa proporcional.

Na disputa pelas 46 vagas existentes na Assembleia o PSDB foi o mais votado com um total de 1.205.786 sufrágios, incluindo os votos nominais e os de legenda. Na segunda colocação ficou o PSB com 592.331 votos e em terceiro lugar o PMDB com 510.082 sufrágios. O PT ficou na quarta posição com 352.175 votos, vindo em seguida o PSL com 303.471 votos. Os demais, pela ordem, foram: PSDC - 178.674 votos; PHS - 169.980; PDT - 161.159; PCdoB - 135.303; PAN - 133.120 votos.

Prefeitos

Nas eleições municipais de 2008 o PSDB foi quem obteve maior número de prefeituras, elegendo 54 prefeitos. No entanto, o partido com maior votação nominal foi o PT que elegeu apenas 15 prefeitos. Em todo o Estado o PT conseguiu 879.654 votos nominais para prefeito e o PSDB obteve 657.625 sufrágios, ficando na segunda colocação. Essa diferença de resultados aparentemente contraditórios deve-se ao fato de o PT ter eleito prefeitos de cidades grandes como Fortaleza, Juazeiro do Norte e Quixadá, por exemplo.

Ainda nas eleições para prefeito o PMDB elegeu 33, conseguindo 577.325 votos nominais e o PSB com 22 prefeitos eleitos obteve 503.119 sufrágios. O PRB elegeu 17 prefeitos e as urnas revelaram 326.478 sufrágios para os seus candidatos. O DEM, por exemplo, elegeu apenas dois prefeitos, mas os seus candidatos obtiveram 308.397 votos nominais. O PDT, que também elegeu dois prefeitos, obteve 251.148 votos.

Para vereador, em 2008, o PSDB foi o partido que elegeu maior número deles, totalizando 346 . O PMDB elegeu 209, o PSB fez 191 e o PT 123.

Sérgio Novais é internado às pressas


O presidente do PSB de Fortaleza e pré-candidato a deputado federal, Sérgio Novais (PSB), de 54 anos, passou ontem por uma crise de pressão arterial e encontra-se internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do hospital Monte Klinikum, no bairro Meireles.

Ele se sentiu mal durante encontro regional do PSB na região do Cariri, sendo levado às pressas para o hospital Casa de Saúde São Miguel, no Crato – distante 542 quilômetros de Fortaleza.

Lá, por volta do meio dia de ontem, recebeu os primeiros atendimentos. Depois de algumas horas, o político foi transferido para Fortaleza. Sérgio foi deslocado de avião para a capital, em uma UTI aérea. Chegou a Fortaleza por volta das 18 horas, sendo internado no hospital Monte Klinikum. Até o fechamento desta edição, o hospital não havia se manifestado sobre o atual estado de saúde de Sérgio Novais nem informado sobre uma possível previsão de alta.

A vereadora Eliane Novais (PSB), que está acompanhando o estado de saúde do irmão, não quis falar à imprensa sobre o assunto. A informação sobre a crise de hipertensão de Sérgio foi confirmada por sua assessoria de imprensa. Ontem à noite, a assessoria informou que seu estado de saúde estava “tranquilo” e que ele estava consciente. “Ele veio o tempo inteiro consciente do hospital no Crato até o hospital em Fortaleza”, informou sua assessoria.

Histórico
Esta não é, porém, a primeira vez que Sérgio é obrigado a se submeter às atenções médicas. Em 2005, ele já havia passado por um grave problema de saúde, tendo se submetido, incluive, a uma cirurgia na aorta – a maior artéria do sistema de circulação sanguínea humano. Em consequência disso, no ano seguinte, Sérgio ficou de fora das disputas eleitorais por recomendação médica.

No encontro de ontem, do qual Sérgio participava no momento em que se sentiu mal, membros do PSB do Ceará discutiram sobre seu apoio à candidatura de Dilma Rousseff (PT) à Presidência da República. (Pedro Alves- pedroalves@opovo.com.br)


PERFIL DE SÉRGIO NOVAIS

- Sérgio Novais é ex-presidente estadual do PSB, cargo que hoje é ocupado pelo governador do Ceará, Cid Gomes (PSB).

- Além do PSB do Ceará, Sérgio também já presidiu a Companhia Docas do Ceará.

- Na carreira política de Sérgio Novais, incluem-se mandatos de deputado federal, deputado estadual e vereador de Fortaleza.

Pimentel busca apoio no Interior e na CUT


Cada vez mais perto da data do encontro estadual do PT - marcado para 19 de junho -, o partido reforça a estratégia de reforçar no Interior a pré-candidatura do ex-ministro José Pimentel (PT) para o Senado. Ontem à noite, em Limoeiro do Norte, ocorreu o primeiro de seis encontros regionais que o PT está promovendo & nas diversas regiões do Ceará. Também ontem, pela manhã, Pimentel participou de um café-da-manhã com dirigentes da Central Única dos Trabalhadores (CUT), com a participação de diversas entidades sindicais. Os dois eventos abrem um período de movimentações articuladas pelo PT que visam o fortalecimento de sua pré-candidatura ao Senado.

Na programação pelo Interior, PT e companhia devem passar, ainda, por Quixadá, Juazeiro do Norte, Amontada, Sobral e Itapipoca. Em cada encontro, segundo Acrísio Sena (PT), o PT buscará consolidar sua resolução em que declara intenção de ficar com a vice na chapa de Cid e uma vaga ao Senado.

Apesar de já ter declarado a vontade apoiar o governador Cid Gomes (PSB) em seu pleito pela reeleição, Cid não confirma apoio ao candidato do PT ao Senado. E ainda afirma que, ao partido, cabe apenas a vaga de vice-governador. Além disso, Cid flerta com o senador Tasso Jereissati (PSDB) & desafeto da prefeita Luizianne Lins (PT), presidente do PT estadual - o que pode resultar em apoio informal de Cid a Tasso.

Oficialmente, a CUT ainda não declara apoio à candidatura de Pimentel. Mas isso deverá ocorrer. ``Não fizemos um encontro para declarar apoio ao Pimentel, mas certamente esse apoio deverá acontecer. Já existe um histórico da CUT em apoiar candidaturas do PT``, disse a secretária-geral, Joana D-arc.

Guimarães coordena encontro regional do PT do Cariri e Centro Sul


O deputado José Guimarães (PT-CE), vice-presidente do Partido dos Trabalhadores do Ceará, coordena neste sábado (29) o Encontro Regional do PT Cariri e Centro Sul. Durante o encontro, que contará também com a participação da presidente estadual do partido, prefeita Luizianne Lins, será debatida a resolução do Diretório Estadual que definiu apoio à reeleição do governador Cid Gomes, a manutenção da vaga de vice-governador e a indicação de duas vagas ao Senado, que deverão ser disputadas pelos deputados José Pimentel (PT) e Eunício Oliveira (PMDB).


No encontro também serão discutidas estratégias para a eleição da ex-ministra Dilma Rousseff à sucessão presidencial. Participam também da reunião deputados federais e estaduais, além de membros da Executiva Estadual do Partido. O encontro será em Juazeiro do Norte na Faculdade Leão Sampaio às 16h.


Mais tarde, às 17h, Guimarães segue para o município de Barreira, onde participa da posse da nova diretoria do PT local. A solenidade de posse será na Câmara de Vereadores do município.


Dia da Agricultura


Na segunda-feira (31), Guimarães participa do Dia da Agricultura em Canindé. Promovido pela superintendência do Banco do Nordeste do Ceará em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, o evento reúne agricultores da região onde serão realizadas várias atividades, entre palestras, amostras culturais, ações na área de saúde, entre outros.
São esperados agricultores de várias categorias agrícolas de assentamentos do município, além de lideranças políticas locais.


Assessoria de Comunicação Social

sábado, 29 de maio de 2010

Somente dois cearenses na lista dos 100 mais influentes


Do Ceará, os únicos representantes na lista os 100 parlamentares mais influentes do Congresso Nacional são dois senadores: Tasso Jereissati (PSDB) e Inácio Arruda (PCdoB). Esse é o pior desempenho da bancada cearense na história do levantamento do Diap, que existe desde 1994.

Não aparece na relação nenhum deputado federal cearense. O documento foi divulgada nesta sexta-feira, 28, pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap).

Em 2007, seis cearenses apareciam na lista. No ano seguinte, foram quatro representantes do Ceará entre os 100 mais influentes. Em 2009, o número caiu para três.

Um dos motivos do mau desempenho da bancada cearense é o fato de terem sido excluídos da lista parlamentares que estão licenciados ou estiveram afastados no período analisado, entre o segundo semestre de 2009 e maio de 2010.

Jangadeiro Online

Ilário Marques vê com simpatia ruptura com Cid Gomes


O ex-presidente do PT estadual, Ilário Marques, já trabalha por uma vaga de deputado federal pelo partido. Por conta disso, Ilário apoia a campanha do ex-ministro da Previdência Social, José Pimentel, para o Senado. Isso, porque Ilário herdará o espólio político do parlamentar.

Nesse objetivo de dar maior amplitude de poder ao PT no Estado, Ilário diz até que não seria nada mal uma ruptura com o Governo Cid Gomes (PSB).

Indagado se ele, por exemplo, poderia ser a opção para disputar com o governador, recuou e afirmou que existiriam outras opções. Incluiu José Pimentel.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Garotinho fica inelegível


Rio de Janeiro O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) tornou inelegível até 2011 o pré-candidato do PR ao governo do Rio, Anthony Garotinho e o cassou mandato da sua esposa, a prefeita de Campos dos Goytacazes, Rosângela Rosinha Garotinho, por abuso do poder econômico.

Para o tribunal, a prefeita teria sido beneficiada pela rádio e jornal O Diário durante a campanha eleitoral de 2008.

O TRE-RJ decidiu, também, convocar novas eleições para a prefeitura de Campos, no norte do Estado, uma vez que Rosinha Garotinho ganhou a eleição no primeiro turno, com mais de 50% dos votos.

A justiça eleitoral também tornou inelegíveis três comunicadores da rádio

Por precaução, o TRE-RJ vai aguardar eventuais recursos antes de divulgar o calendário eleitoral para as eleições suplementares na cidade de Campos.

Caso a prefeita recorra ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ela pode conseguir um efeito suspensivo e permanecer no cargo até o julgamento do mérito.

Já o marido dela precisaria de uma medida cautelar junto ao TSE para se manter na disputa do governo estadual nas eleições de outubro.

O julgamento dividiu os membros do tribunal. Três juízes votaram pela punição e três, contra.

O voto de minerva coube ao presidente do TRE-RJ, desembargador Nametala Jorge. "Os fatos foram inadmissíveis. O pleito eleitoral tem que ter uma lisura absoluta, trata-se de um direito da sociedade", justificou o desembargador ao votar pela cassação do mandato de Rosinha Garotinho e pela punição dos demais envolvidos.

Recorrer

O secretário-geral do Partido da República (PR), Adroaldo Garani, disse que o partido recorrerá da decisão do TRE-RJ de tornar inelegível o ex-governador Anthony Garotinho. Ele é o pré-candidato da sigla ao governo do estado. "Nós respeitamos as decisões da Justiça. Afinal, vivemos numa democracia. Mas vamos recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral´, disse Garani.

O tribunal também resolveu tornar inelegível, por três anos, o ex-prefeito de Campos Arnaldo Vianna (1998 a 2005), por abuso de poder político e de autoridade, nas mesmas eleições municipais de 2008.

Vianna é acusado de contratar funcionários terceirizados pela prefeitura, que na época apoiava sua candidatura a prefeito, para trabalhar em sua campanha. Ele ainda pode recorrer ao TSE.

Aécio rejeita vice e PSDB quer Tasso


Uma corrida contra o tempo, com possibilidades escassas. A menos de duas semanas do início do período das convenções partidárias - que acontecerão entre os dias 10 e 30 de junho -, o sinal de alerta bate à porta do PSDB nacional.

Pela primeira vez sem liderar a corrida pela sucessão do presidente Lula - o último Datafolha aponta empate com Dilma Rousseff (PT) -, o pré-candidato tucano tem pela frente um desafio extra: encontrar um candidato a vice para sua chapa. Aécio era a aposta para reverter a queda tucana. ``Não houve nenhuma modificação no cenário. É preciso que essas ansiedades sejam contidas``, disse o mineiro, de volta ao Brasil depois de uma temporada na Europa e frustrando as expectativas da oposição.

Com o vácuo deixado por Aécio, tucanos passaram a defender que o escolhido seja da região Nordeste. Nesse caso, a escolha pode recair sobre o nome do senador Tasso Jereissati (PSDB). ``Se dependesse de mim, o nome era Tasso, mas não depende. Depende dos partidos de oposição``, disse o presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra. ``O escolhido terá de ter aprovação total do Serra``, disse o presidente tucano, que também é coordenador político da campanha de Serra.

Os ex-governadores paulista e cearense têm uma relação conflituosa por conta da campanha de 2002. Nesta campanha, no entanto, eles têm se aproximado. Tasso chegou a elogiar publicamente Serra e, em recente visita ao Ceará, os dois mostraram que as rusgas parecem ter ficado, de fato, para trás. Tasso, contudo, tem dito reiteradamente que tem decisão tomada de ser candidato à reeleição no Senado.

Preterido num primeiro momento para encabeçar a chapa, o opção Aécio vinha sendo cogitada nos últimos dias, depois que o paulista perdeu terreno e viu a principal concorrente, apoiada pelo Palácio do Planalto, avançar nas intenções de voto.

Mas Aécio desconversou: ``Estou convencido de que a melhor forma de ajudar a vitória do governador Anastasia em Minas e a do companheiro e amigo José Serra é estando em Minas como candidato ao Senado--, disse.

Como Aécio deixou o governo mineiro com 73% de aprovação e Minas é o segundo colégio eleitoral do País, com 14,5 milhões de eleitores, criou-se a expectativa de ele ser vice para tentar transferir esse apoio a Serra.

Fora do terreno tucano, as opções também são poucas. A alternativa Francisco Dornelles (PP-RJ) desceu ladeira abaixo com a emenda de redação que alterou o texto do projeto Ficha Limpa no Senado. No DEM - aliado cuja imagem ficou arranhada com o mensalão de Brasília - falam-se nos nomes do deputado José Carlos Aleluia (BA) e da senadora Kátia Abreu (TO).

Presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), o nome da senadora, no entanto, não é bem recebido por integrantes dos dois partidos. Eles avaliam que eventual adesão dela em uma chapa tucana poderia render muitos prejuízos. ``A cada comício do Serra ia ter uma manifestação do MST``, resumiu uma fonte.

A cúpula nacional tucana empurrou para a semana que vem a decisão - quando a legenda irá decidir se anuncia o nome escolhido antes ou depois da convenção nacional, marcada para 12 de junho. (das agências de notícias)

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Divergências sobre as alianças com o Governo


Para o deputado Osmar Baquit (PSDB), o PT está querendo reproduzir o mesmo tipo de "chantagem" com o governador Cid Gomes, que fez com o deputado federal Ciro Gomes (PSB), para vetar sua candidatura à Presidência da República. No caso de Cid Gomes, para o tucano, os petistas querem forçar o apoio do governador à candidatura de José Pimentel (PT) ao Senado.

Baquit afirma que os petistas alegam romper com Cid Gomes caso este não apoie Pimentel para o Senado, mas o parlamentar garante que os petistas não farão isso, porque possuem 50% dos cargos no Estado.

O tucano também pontua que Cid Gomes já deixou claro, até para a imprensa, que o compromisso dele com o PT é no apoio à candidatura da ex-ministra Dilma Rousseff e para com a indicação do vice na sua chapa, por isso defende que o PT deixe o governador livre para fazer suas escolhas.

"Uma parte da bancada do PT complicou muito mais o Governo de Cid Gomes do que qualquer outra bancada. O PSDB é muito mais fiel no apoio à parte administrativa, ao Governo, do que a bancada do PT. Deixem o governador Cid Gomes analisar o que é melhor para o Estado e para os cearenses", defendeu.

Baquit avisou que seu partido já está se movimentando para a formação de uma coligação para a chapa proporcional. No almoço que os tucanos tiveram com o deputado federal Eunício Oliveira (PMDB), presidente estadual do PMDB, Baquit afirma que o peemedebista se mostrou "simpático" à ideia de uma coligação com o PSDB, mas que isso deve ser uma decisão tomada pelo partido.

Equilíbrio

Para o deputado Dedé Teixeira (PT), as colocações de Baquit foram inconsequentes, entendendo que esse assunto deva ser debatido no campo da política e não no plenário da Assembleia. O parlamentar destaca que Cid Gomes tem demonstrado um grande equilíbrio nas suas decisões, deixando claro que o debate entre PT e PSB é em relação a um projeto nacional.

Já o deputado Marcos Cals (PSDB) foi incisivo, Pimentel não será candidato ao Senado pelo fato de que o arco de alianças em torno da candidatura de Cid Gomes é quem vai decidir sobre isso, e para ele, a resposta será negativa aos planos do PT em relação à Pimentel.

Para Fernando Hugo (PSDB), o PT cearense tem que olhar o seu tamanho antes de exigir que o governador apoie quem eles querem. A seu ver, Cid Gomes está "engolindo" as exigências do PT somente para manter a boa política. PT e PSDB no Ceará, segundo um dos tucanos, divergem mais do que em qualquer outro Estado.

Os demais petistas, inclusive o líder do Governo, deputado Nelson Martins, não se envolveram na discussão levantada por Osmar Baquit. Os tucanos, no dia anterior, como mostrou o Diário do Nordeste, tiveram uma reunião com o coordenador político do Governo, deputado José Albuquerque.

Encontros

Enquanto PT e PSDB disputam um lugar ao lado de Cid Gomes na busca das reeleições, o PSB só realizará a sua convenção no dia 27 de junho. Até lá o partido fará encontros pelo Interior.

O deputado Welington Landim (PSB) informou que o primeiro encontro será realizado sábado, dia 29 na Região do Cariri. Já o segundo está marcado para 5 de junho na Serra da Meruoca, abrangendo toda a Região Norte, parte do litoral oeste e de Canindé. O último encontro será no dia 12 de junho, em Guaramiranga, na serra de Baturité, onde também deverá receber lideranças do litoral leste.

Landim explica que os encontros serão para os filiados ao PSB. Ele esclarece que durante essas reuniões não estará em pauta somente política, mas temas importantes dentro do desenvolvimento de cada Região. "Não tenho nenhuma dúvida que esses encontros trarão benefícios e estratégias que o partido pretende adotar daqui para frente", observa.
DIÁRIO DO NORDESTE

quarta-feira, 26 de maio de 2010

PDT celebra esta semana 30 anos de fundação


O Partido Democrático Trabalhista (PDT) celebra esta semana os seus 30 anos de fundação. A sigla PDT foi escolhida por Leonel Brizola depois que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, a pedido do general Golbery do Couto e Silva, então poderoso chefe do Gabinete Civil da Presidência da República, entregar a histórica legenda do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) – fundado por Getúlio Vargas - a até então desconhecida Yvete Vargas.

Brizola, em uma entrevista coletiva, rasgou um papel com a sigla PTB escrita a caneta, chorou, e a partir dali, imediatamente, reagindo a um dos últimos estertores da ditadura, fundou o PDT. O ato foi registrado por Carlos Drummond de Andrade, com um poema.

O PTB vinha sendo organizado por Brizola desde 1979 quando, com a ajuda do presidente português Mário Soares, realizou na capital portuguesa uma grande reunião reunindo trabalhistas brasileiros que estavam no exílio e no Brasil, no Encontro de Lisboa. Naquela ocasião, Brizola, fechando o encontro, com um longo discurso, falou sobre o partido que pretendia recriar no Brasil.

A perda da sigla do PTB foi traumática, mas foi o ponto de partida para a criação do PDT que, dois anos depois, levaria Brizola a vencer as eleições de governador no Rio de Janeiro de forma espetacular, contra tudo e contra todos, revigorando oTrabalhismo brasileiro que, em matéria anexa, é analisado pelo cientista político Jorge Ferreira, em palestra que fez por volta de 2.000 na sede da Fundação Alberto Pasqualini, no Rio.

Guimarães é eleito um dos políticos mais influentes do Ceará


A Revista Fale, do Ceará, elegeu o deputado José Guimarães (PT-CE), coordenador da bancada cearense no Congresso Nacional, como um dos 30 Cearenses Mais Influentes. As personalidades listadas pela revista se enquadram em cinco categorias: política, empresariado, empreendedores, profissionais liberais, esporte e artistas e intelectuais.

Na categoria política, também aparecem, entre outros, o governador Cid Gomes, o irmão, Ciro Gomes, o deputado e ex-ministro da Previdência Social, José Pimentel (PT-CE) e a Prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins.

Bastidores da Politica de Catarina

No município de Catarina já existem definições para eleições deste ano acompanhe:

SITUAÇÃO:

Jefferson, Frutuoso, Lamartine e Vereadores: Domingos Filho (Dep. Estadual) e Genecias Noranha (Dep. Federal).

OPOSIÇÃO:

Lourival, Evandro e Cel. Gomes Filho: Domingos Filho (Dep. Estadual) e Domingos Neto (Dep. Federal).

Ricardo Almeida e Tata: Aguardando posicionamento do PR.

Nenem do Boza e Reginaldo: Aguardando as Convenções Estaduais.

Veja o calendário das Eleições 2010

1º.janeiro – Desde esta data, todas as pesquisas eleitorais tem que ser registradas na Justiça Eleitoral.
5°.março – Limite que o TSE tinha para regulamentar as normas relativas às eleições de 2010.
3°.abril – Foi o último dia para que Ministros de Estado e outros detentores de cargos públicos, que pretendem ser candidatos, saíssem de seus cargos.
5°.maio – Foi a data final para quem pretendia tirar o título de eleitor ou mudar o domicílio eleitoral.
10°. junho – A partir desta data é permitida, aos partidos, a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher candidatos.
11°. junho – Data a partir da qual caberá a cada partido político fixar o limite de gastos de campanha para os cargos em disputa, comunicando à Justiça Eleitoral, que dará a essas informações ampla publicidade.
30°.junho – Último dia para a realização de convenções partidárias para definir candidatos e coligações.
1º.julho – Fim da propaganda partidária gratuita no rádio e na TV. Também fica proibido qualquer tipo de propaganda política paga no rádio e na televisão.
3°.julho – A partir desta data, candidatos não podem mais participar de inaugurações de obras públicas. Os agentes públicos ficam proibidos de nomear, contratar ou de qualquer forma admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens ou por outros meios dificultar ou impedir o exercício funcional.
5°.julho – Limite para os partidos solicitarem o registro dos seus candidatos à Justiça Eleitoral. Também é o último dia para o eleitor portador de necessidades especiais que tenha solicitado transferência para seção eleitoral especial comunicar ao juiz eleitoral, por escrito, suas restrições e necessidades, a fim de que a Justiça Eleitoral, se possível, providencie os meios e recursos para facilitar o exercício do voto.
6°.julho – Data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral. Partidos podem usar, das 8 horas às 22 horas, alto-falantes ou amplificadores de som, nas suas sedes ou em veículos. Candidatos, partidos políticos e coligações poderão realizar comícios e utilizar aparelhagem de sonorização fixa, das 8 horas às 24 horas.
7°.julho – Último dia para os candidatos, escolhidos em convenção, requererem seus registros, caso os partidos políticos ou as coligações não os tenham requerido
17°.agosto – Início da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV.
18°.setembro – Data a partir da qual nenhum candidato, membro de mesa receptora e fiscal de partido poderão ser detidos ou presos, salvo em flagrante delito.
23°. de setembro- Último dia para o eleitor requerer a segunda via do título.
30°.setembro – Fim da propaganda eleitoral gratuita (no rádio, na TV e na internet) antes do primeiro turno. Último dia para a realização de debates, reuniões públicas ou promoção de comícios1º. outubro – Último dia para a divulgação paga, na imprensa escrita, de propaganda eleitoral.
2°.outubro – Último dia para a promoção de caminhada, carreata, passeata ou carro de som, distribuição de material de propaganda política e propaganda eleitoral mediante alto-falantes ou amplificadores de som, entre as 8 horas e as 22 horas.
3°.outubro – Primeiro turno das eleições – de 8h às 17h.

Segundo turno

5°.outubro – Início da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV.
28°.outubro – Último dia para propaganda política mediante reuniões públicas ou promoção de comícios e utilização de aparelhagem de sonorização fixa, entre as 8 horas e as 24 horas.
29°.outubro – Fim da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV.
30°.outubro – Último dia para a promoção de carreata e distribuição de material de propaganda política e propaganda mediante alto-falantes ou amplificadores de som, entre as 8 horas e as 22 horas.
31°.outubro – Segundo turno das eleições – de 8h às 17h.

Fonte: TSE e Folha on line

Roberto Jefferson anuncia apoio do PTB a Serra


Em um almoço com o pré-candidato do PSDB à Presidência, José Serra, nesta terça-feira, 25, o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, anunciou o apoio oficial de seu partido ao tucano na disputa presidencial. Segundo Jefferson, o PTB oficializará a coligação nacional com o PSDB em convenção partidária nos dias 18 e 19 de junho.

Os líderes do PTB na Câmara, Jovair Arantes (GO), e no Senado, Gim Argello (DF), são da base governista e apoiam a pré-candidata do PT Dilma Rousseff. Porém, segundo Jefferson, a maioria do partido é favorável a Serra. O presidente do partido disse ter segurança de que a coligação será aprovada com 75% dos votos dos convencionais do PTB. "Somos muito pequenos. Não podemos brigar", disse Jefferson.

Caso o apoio do PTB se confirme, Serra terá mais 58 segundos em cada um dos dois blocos de meia hora do programa eleitoral gratuito que irá ao ar por 45 dias a partir de meados de agosto.

Jefferson disse que a queda de Serra nas últimas pesquisas de intenção de voto não impressionou o PTB. "O Serra é fortíssimo. Está há dois anos com 37% sem dizer que é candidato e só agora ele empatou. Mas ele ainda não falou ao País. Vamos aguardar".


Cid silencia; prefeita diz que quer ouvir governador


O governador Cid Gomes (PSB) negou-se a falar ontem sobre o lançamento extraoficial da candidatura do deputado José Pimentel (PT) ao Senado, realizada na noite de segunda-feira pelo PT. Cid disse que só se pronunciará sobre apoio, ou não, a Pimentel após os encontros estaduais do PSB, previstos para 29 de maio, 12 e 19 de junho.

Na noite anterior, durante evento da revista Fale! para anunciar uma lista das 30 personalidades mais influentes do Ceará, a prefeita de Fortaleza e presidente do PT, Luizianne Lins, disse quer conversar com Cid sobre a resistência do governador em apoiar Pimentel. Ele estaria inclinado a apoiar, para uma das vagas no Senado, o senador Tasso Jereissati (PSDB). Para a outra vaga que será preenchida nas eleições de outubro, ele já anunciou apoio a Eunício Oliveira (PMDB).

"Como eu ainda não ouvi isso do governador, vi através de matéria do jornal, então eu preciso ouvir do governador. Como presidente do partido, eu não posso trabalhar com as hipóteses, eu preciso trabalhar com a realidade do jeito que ela é``, afirmou, em entrevista coletiva.

Ela ressaltou que a prioridade é se aliar ao PSB, mas não a única opção. "É claro que a nossa intenção prioritária é a gente manter a aliança com o PSB e sairmos juntos apoiando o candidato Eunício Oliveira e o candidato Pimentel ao Senado".

Já o vice-presidente estadual do PT, deputado José Guimarães, negou possibilidade de o PT não apoiar Cid. ``Não há clima para rompimento``, disse, segundo informação do Blog do Eliomar, do portal O POVO Online.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Marina minimiza nome apagado em faixa e critica Lula por campanha


A pré-candidata do PV à Presidência da República, Marina Silva, disse nesta segunda-feira (24) que a exclusão de seu nome de faixas durante o lançamento da pré-candidatura de Fernando Gabeira foi feita para evitar problemas com a Justiça Eleitoral. “Nós ainda não podemos fazer campanha”, lembrou a senadora, que disse que os coordenadores do partido orientaram militantes para que o nome fosse coberto. “Não tem nada a ver com política”, afirmou.

A história da Chapeuzinho Vermelho...

Um belo dia a chapeuzinho vermelho andava tranqüila pelos bosques do Ceará, sem medo de nada, nem mesmo do lobo mau. Era uma situação muito cômoda, pois aquela pobre moça que parecia indefesa tinha o controle total da situação. O lobo mau, quem já comandara os bosques do Ceará parecia se enamorar pela bela chapeuzinho, onde a busca pelo seu lugar no sol, ou como queiram no Senado Federal, parecia não lhe preocupar, pois com sua força de coronel, e a simpatia da bela chapeuzinho, eram ingredientes para uma vitória tranqüila. E a vovozinha? onde fica? Essa já foi engolida, e olha que a digestão ainda não proferida, mas o que podemos ter certeza, que com as “qualidades” e o poderio do lobo mau, os candidatos que restaram para o Senado Federal podem ter certeza que no final alguém vai se dá mal, e não será o lobo mau.

WILL ALMEIDA

Candidatura de Pimentel: Guimarães diz que não haverá rompimento entre PT e Cid


O vice-presidente regional do PT, deputado federal José Nobre Guimarães, amenizou, nesta terça-feira, 25, efeitos políticos do ato de lançamento da pré-candidatura do deputado federal e ex-ministro da Previdêdncia Social, José Pimentel, para o Senado. “Esse é um desejo da militância, é natural”, disse, garantindo que o gesto não significará, em hipótese alguma, rompimento com o governador Cid Gomes (PSB).

Cid Gomes, em seu giro pelo Interior, tem levado apenas o pré-candidato ao Senado pelo PMDB, deputado federal Eunício Oliveira, e sinalizado para um apoio informal, de acordo com parlamentares de sua base, à reeleição do senador tucano Tasso Jereissati. Na última semana, Cid, após audiência com Lula, em Brasília, teria dito que seu compromisso é com um nome do PT para a vice.

“Não há clima para rompimento. Não é rompimento. O governador apoiará Dilma para presidente. Não tem Plano B, tem Plano A que é o apoio à reeleição de Cid e apoio a Dilma para presidente”, reforçou José Guimarães. O parlamentar avaliou que é normal esse tipo de ação política e que, até o dia 19 de junho próximo, haverá muita conversa “e tudo vai se resolver sem racha”.

Sempre enfatizando que Cid Gomes é parceiro no apoio à pré-candidatura de Dilma para presidente, o petista considerou fundamental a manutenção da aliança com o PSB no Estado para assegurar “uma grande vitória da base de Lula no Ceara”. Essa base, conforme ele, contará com sete partidos que, em termos nacionais, garantirão para Dilma 21 minutos de tempo na propaganda eleitoral gratuita do rádio e da TV.

Segundo José Guimarães, não há por que de desesperos políticos, quando está decidido que Cid apoiará Dilma Roussef, assegurando assim respaldo à manutenção do projeto do Governo Lula.

Ele informou que até o dia 19 próximo, o PT realizará seis encontros regionais para organizar a campanha de Dilma e avaliar as perspectivas políticas da legenda. Não disse se tais encontros seriam usados como termômetro para a pré-candidatura ao Senado de José Pimentel.

De acordo com o parlamentar, serão realizados encontros regionais nas seguintes datas: dia 28, em Limoeiro do Norte; dia 29, pela manhã, em Quixeramobim, e à tarde, em Juazeiro do Norte. No dia 5 de junho será a vez de Amontada à noite, enquanto no diai 6 virá Sobral, com encerramento desses contatos marcado para o dai 7, em Fortaleza.

Município realizará Semana do Meio Ambiente


De 31 de maio a 05 de junho, a Secretaria do Meio Ambiente de Acopiara estará realizando a Semana do Meio Ambiente que terá como tema o Bioma da Caatinga.

Com uma vasta programação a ser desenvolvida no período, a Semana do Meio Ambiente será aberta oficialmente pelo prefeito Antônio Almeida Neto, na segunda, 31 de maio, em evento a ser realizado no Centro Pastoral a partir das 7 da manhã. Em seguida a programação segue com palestra ministrada por representantes do IBAMA, cujo tema a ser abordado será o Manejo e Reservas Legais da Caatinga.

No período de 1º a 05 de junho, a programação tem continuidade com palestras nas escolas da sede e dos distritos, Feira e Blitz Agroecológica, distribuição de mudas entre outras atividades. Confira a programação completa abaixo:

Programação:

DIA 31 de maio

07h – Abertura oficial da Semana Municipal do Meio Ambiente e palestra com o tema “Manejo e Reservas Legais da Caatinga”, ministrada pelo IBAMA.

Local: Centro Pastoral de Acopiara

DIAS 31 de maio, 01, 02 e 04 de junho

MANHÃ/TARDE – Palestras com o tema “A caatinga e as conseqüências de seu desmatamento”, plantio de mudas e distribuição de sementes.

Local: Escolas Municipais

DIA 04 de maio

07h - Feira Agroecológica da Agricultura Familiar e Artesanato.

Local: Praça Celso Castro

13h - Lançamento do projeto COM-VIDA, para implantação da Agenda 21 da Escola Padre João Antonio.

Local: Escola Pe. João Antônio

DIA 05 de maio

07h30min - Blitz Ecológica, com distribuição de mudas.

8h - Lançamento do Plano de Ação Ambiental da Administração 2010/2012 e entrega de kits de coleta seletiva para as secretarias municipais.

9h - Cortejo pelas principais avenidas da cidade, com a Banda Municipal e

Artistas locais

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Surpresas estão por vir...

Quando pensamos que já está tudo definido, é que vamos nos surpreender com os novos rumos da campanha estadual. A grande discussão é: o PT vai rachar com o PSB? Caros amigos leitores, o certo é que não há mais essa possibilidade no atual cenário político.

A grande surpresa para nós cearenses poderá vir de quem completará a chapa do atual Governador Cid Ferreira Gomes, ou seja, quem será o Vice-Governador? O que eu posso adiantar aos meus caros leitores é que muitos poderão se surpreender com o escolhido, e para nossos irmãos acopiarenses também poderá ter surpresa em outro cenário político, vamos aguardar os acontecimentos.

WILL ALMEIDA